RESENHA PALETA MATTE DE AMOR – JASMYNE

Pensa aquele produto que você compra mais pela embalagem do que pelo conteúdo? É, as vezes faço isso e nem sempre dá certo.

Quando fui para São Paulo, comprei em uma loja na 25 de Março (POST DAS COMPRAS), a paleta Matte de Amor da Jasmyne. Confesso que primeiro olhei a beleza da embalagem e só depois vi as sombras. Sobre a embalagem, acho que ficou claro que amei demais né?! Mas será que as sombras valem a pena mesmo?

img_0472

img_0473

A embalagem é linda né? Comprei a paleta no modelo A por R$ 34,99 e vem 12 cores, 6  brilhossas e 6 mattes. É uma paleta neutra, aquela que se você estiver com pressa você consegue montar uma maquiagem para dia ou para noite em poucos minutos, pois as cores combinam e conversam.

img_0548

Repare que fazendo a aplicação das sombras com o dedo no meu braço, algumas chegam a desaparecer – não usei nada no braço, nem hidratante, para não interferir na visualização. Mas aplicar no braço é uma coisa e nos olhos é outra coisa, então fiz uma maquiagem usando algumas cores da paleta.

img_0516

Foto com flash.

img_0533

Foto sem flash.

img_0520

Foto com flash.

Para fazer essa maquiagem, apliquei o corretivo de alta cobertura Cor 1 da Quem Disse, Berenice? e um pouco de pó translúcido da Dailus, ambos para neutralizar e preparar a pálpebra. Usei esses produtos, pois é uma forma mais simples de fazer a preparação, para não usar primer de sombras, pois muita gente não tem (eu não tenho também hehe).

Para fazer a maquiagem, usei as sombras circuladas.

Para fazer a maquiagem, usei as sombras circuladas.

As sombras esfarelam, mas isso é normal na maioria dos produtos e achei que elas não fazem aquela bagunça quando são aplicadas, caindo tudo na pele, sabe? Usei o branco (cor 07) para iluminar abaixo da sobrancelha, a cor 09 para marcar o côncavo, e as cores 05 e 10 para fazer as transições do preto para o côncavo, repare que ficou um marrom escuro. Usei a cor 11 no começo da pálpebra, para ser o grande destaque da maquiagem. A cor 12 no canto externo e esfumando para o côncavo. A cor 01 usei no cantinho lacrimal e no canto externo da sobrancelha, ambos para iluminar. Essa combinação foi a que vi de cara, mas dá para fazer muitas coisas com essa paleta.

Fazendo a aplicação dessa forma, as sombras se comportam muito bem, mas não podemos esperar muito da cor 12, o preto, mas levando em consideração que a paleta foi R$ 34,99 e cada sombra custaria R$ 2,92, aproximadamente, é uma ótima avaliação.

Depois percebi que muitas pessoas não fazem essa preparação nos olhos para aplicar a sombra, apenas passam a base e um pó. E assim tirei a maquiagem de um dos olhos e comecei a aplicação apenas da base (usei RubyRose cor L1 e Mary Kay cor Beige 5) e só um pouco do pó translúcido da Dailus.

img_0566

A maquiagem não ficou igual, porque né hehe, mas a pigmentação ficou bem parecida ( a pálpebra preparada com corretivo irá fazer a sombra manter a pigmentação por mais tempo e evitar de acumular na dobra do olho).

img_0574

Para testar (ainda mais) a paleta, resolvi usar algumas sombras molhadas, uma forma de aumentar a pigmentação. Coloquei duas gotinhas de soro fisiológico e coloquei na sombra, fui misturando com um pincel até formar uma laminha.

img_0586

img_0588

Adorei a cor 11 molhada.

kkkkkkkkkkkkkkkk

A única sombra que não rolou, nem molhada, foi a cinza. Acho que será a menos usada da paleta.

Dei uma olhada na internet os preços, e achei em alguns sites por menos de R$ 30. E vi também que existe uma paleta, o modelo B, que são cores nudes, como variações de marrons e bege. Lá na lojinha que comprei não tinha essa disponível.

Conclusões: as cores são lindas, básicas neutras e funcionam super bem. Infelizmente a cinza não rolou, é muito clara, pelo menos na minha pele né?! As outras funcionam molhadas, secas com a pálpebra super preparada ou não. As sombras esfarelam, mas é super normal e não é nada demais e como falei não achei que faz bagunça, caindo na pele quando são aplicadas no olho. Paguei R$ 34,99 na paleta, cada uma custando R$ 2,92. A única sombra que não rolou, para mim, foi a cinza, mas fazer o que né. OU SEJA: AMEI, compraria de novo com toda certeza.

Eai? Me conta o que acharam e se comprariam essa belezinha.

ana-clara-turchetti

COMPRAS DE SÃO PAULO

Quando estava em São Paulo, queria testar produtos novos, ver se valiam a pena e também comparar preço.

Fui empolgada nível 1000 e tive uma decepção. Motivo: nada me agradava e tudo tinha nas lojas aqui de JF. Fui na Sephora (Shopping Eldorado) e o que para mim era um paraíso no ano passado, esse ano infelizmente, não vi nada de muito especial e a dor de gastar muito em um produto me fez pensar se realmente valia a pena. E  não valeu. Primeira experiência ruim.

Na segunda-feira, minha mãe e eu fomos na Liberdade e eu achando que ia fazer uma festa, né? Segunda experiência ruim. Minha mira especial era na Ikesaki, pois já tinha ido nessa loja e me encantado com os produtos. Dessa vez, parecia que faltava alguma coisa. Variedade. Achei a loja pouco abastecida de produto, sabe? Muito espaço vazio que poderia ser ocupado por muitos e muitos produtos. Pois bem. Fui na Ikesaki da rua Galvão Bueno e da Praça da Liberdade. A primeira, não comprei nada e era a que faltava produto. Na segunda loja comprei: 

Uma máscara de cílios da RubyKiss – Volume e Curvatura: R$ 25,50;

Pincel para aplicar sombras da RubyKiss – C-Curve Eyeshadow: R$ 12,90;

Esponja de maquiagem da RubyKiss: R$ 14,99;

Máscara facial de Argila: R$ 7,19.

img_0436

Se você ama produtos de cabelos ou trabalha com isso, essa loja vai te encantar. Se você ama esmantes ou trabalha com isso, você vai ficar encantado também. O preço não é muito diferente do que o daqui, mas tem muita variedade. Pelo que vi, até móveis para salão tem. A loja é enorme, com muitos andares.

ENDEREÇO IKESAKI COSMÉTICOS na Liberdade:

Rua Galvão Bueno, 37 – Bairro Liberdade. Tel: (11) 3346-6944;

Avenida da Liberdade, 147 – Bairro Liberdade. Tel: (11) 3111-0060;

No site da Ikesaki, tem todos os endereços das lojas, tanto em São Paulo como em cidades da região, como Osasco.

Na Ludovicus, também na Liberdade, comprei apenas duas coisas. A loja tem marcas bacanas, como Catharine Hill e Oceane, mas também tem Vutl, por exemplo. Quem ama cílios postiços, essa loja é o seu lugar.

Ah, nessa loja, vi uma marca chamada Indice, segundo a vendedora é uma marca japonesa com produtos feitos a base de água. Testei a base no meu rosto, porém como já estava com produto na pele, não deu para ver muito o resultado. Essa base custava R$ 146,00 e não duvido que seja boa, mas como não conhecia e nunca ouvi alguém falar dela, não me arrisquei e nem quis ir na onda da vendedora. Se você conhece a marca e usou algum produto dela, me conta aqui o que achou.

Na Ludovicus comprei:

Esponja Profissional queijinho (ótima para aplicar base e corretivo): R$ 8,95 (comprei lá porque não achei em JF em lugar nenhum);

Pó Ultra Glam Multicores Oceane: R$ 46,90.

img_0421

Endereço Ludovicus; Praça da Liberdade, 98 – Bairro Liberdade. Tel: (11) 3207-3767.

Depois das compras, fomos almoçar no restaurante Itiriki – fica aqui minha dica sincera de comida oriental mais gostosa da vida. O restaurante é enorme, tem muita variedade e é quase em frente a saída do metrô. O endereço do Itiriki é: Praça da Liberdade, 159 – Liberdade.

Agora que estava lembrando as lojas que fui na Liberdade, me deu branco se fui na Audrey, mas se você for no bairro, vale a passadinha na loja. O endereço é: Rua Galvão Bueno, 69 – Liberdade.

Depois seguimos para a 25 de março, caminho que dá para fazer a pé de boas. Como minha mãe e eu não sabíamos ir para lá, ligamos o Google Maps e chegamos certinho na 25. Para fazer esse caminho a pé, você deve gastar um 20 minutos e ainda passa em frente a Catedral da Sé, que vale uma visitinha.

Chegando na 25 de março, não tinha nada em mente para olhar ou comprar, eis que, surge na minha frente marcas baratinhas, como RubyRose e Jasmine. Como testei a base da RubyRose e gostei muito, queria achar outros produtos da marca, para ver como era. A loja chama Jonalissa Bijux, fica na Rua Vinte e Cinco de Março, 694 – Centro.

Na Jonalissa comprei: 

Paleta de sombra Jasmine: R$ 34,99;

Batom Líquido RubyRose: R$ 10,99;

Pincel para maquiagem Macrilan: R$ 24,99;

Pó compacto RubyRose: R$ 7,99;

Delineador preto Luisance: R$ 10,49.

img_0433

E foi assim que a 25 de março me conquistou.

De todas as compras, só usei o batom da RubyRose e já amei. Vou fazer resenha e conto mais sobre os produtos.

Beijos,

ana-clara-turchetti

CONHECENDO O TEMPLO ZU LAI

Fui para São Paulo na última sexta-feira e um dos lugares que conheci foi o Templo Zu Lai, que fica em Cotia.

14697294_1429252287103021_564676965_o

Não conheço o budismo, mas o lugar é extremamente lindo e calmo, daqueles lugares para ir, sentar, pensar, admirar, por isso vale a visita. Se você entende ou pratica o budismo, com toda certeza, você precisa conhecer o Templo.

O site do local tem muita informação, desde agendamentos de visitas até a história e cronologia do Budismo (SITE DO TEMPO ZU LAI), se você for visitar o Templo, dê uma olhada no site para entender o budismo e preste muita atenção na categoria Etiqueta Budista. Lá possui regras que você precisa seguir para visitar o Templo, coisas como roupas e comportamentos adequados e locais e cerimônias que não podem ser fotografadas ou filmadas.

14614272_1429254067102843_133206281_o

O Templo, além de ser aberto e gratuito para visitação, também recebe grupos de visitas (que pode ser agendado pelo site), oferece cursos com taxa mensal, possui atividades, como palestras, cerimônias, possui um museu com peças, livros e histórias budistas.

14678039_1429254140436169_1894579443_o

14672691_1429254050436178_1104799119_o

14672806_1429252367103013_2039804322_o

O local é muito limpo e não possui muitas lixeiras, então guardar seu lixinho e preservar o ambiente é essencial. O Templo é muito grande, logo tem que estar disposto a caminhar, subir e descer escadas e morros.

Como não sabia que íamos conhecer o Templo Zu Lai, não levei minha câmera, então as fotos são do celular, desculpe a qualidade, mas quem repara nisso quando o lugar é lindo, não é mesmo?

14689835_1429254387102811_1183271107_o

O local pode ser bem interessante para crianças, fomos com minha priminha de 3 anos e ela adorou. O Templo tem um parquinho, fontes com peixes e uma lagoa com peixes e tartarugas,  o que pode ser um bom atrativo para os pequeninos.

14689842_1429252917102958_2034660736_o

14677958_1429252413769675_686905627_o-1

14678025_1429254513769465_369154384_o

Não conseguimos entrar na sala de cerimônia ou sala principal, mas se você quiser entrar para conhecer ou participar das atividades, leia as regras no site e busque informações com os funcionários do Templo. Em frente a entrada da sala, existe algo como uma pira, que fica com incensos.

14600593_1429254107102839_442026640_o

Ao lado da sala de cerimônia existe uma pequena árvore para você colocar seus pedidos, orações e agradecimentos. Se for visitar, deixe seus votos lá.

14618766_1429254133769503_1094672009_o

14699641_1429253900436193_422136623_o

O Templo tem muitas imagens budistas, a maioria com explicações do que se trata, quem é, qual a contribuição para o budismo, preste atenção nas leituras.

14647280_1429254150436168_591075334_o

O local também oferece, num cantinho escondido, chá para os visitantes. Quentinho e bem saboroso, acredito que faz parte experimentar. E olha, não sou a mais fã de chás, mas o do Templo estava bem gostoso. Se você queima a língua muito fácil, cuidado hein.

14647413_1429254040436179_183665015_o

Lembra que eu falei que o Templo oferece cursos? Então, quando estávamos lá, assistimos um pouquinho do curso de Kung Fu. No site, tem os dias e horários das aulas, se tiver interesse em assistir alguma das aulas, visite o Templo num horário que coincida com as aulas.

14672921_1429252947102955_1406220569_o

Confere o vídeo:

O Templo oferece uma lojinha de presentes, com camisas, enfeites, chaveiros e muitas lembrancinhas para guardar esse momento. O preço é super legal, nada muito acima da média por aí.

14646815_1429253090436274_981762463_o

Depois dessa andança toda, chegou a hora de tomar um café. O Templo tem uma lanchonete ou cafeteria, ao lado da lojinha de presentes. O capuccino de lá foi um dos melhores que já tomei, então fica a dica. O ambiente da cafeteria é super agradável e a vista é bem bonita. Ah e  o preço é bem normal, nada exagerado.

14672740_1429252933769623_206691920_o-1

Na internet tem muitas fotos, matérias e vídeos sobre o Templo Zu Lai, que tenho certeza, vai te dar vontade de conhecer. Como disse, mesmo que você não pratique o budismo ou não entenda como funciona, vale a visita. Aprecie a calma, o ambiente, o chá e o capuccino do local.

14678088_1429252247103025_2066846888_o

14689206_1429254117102838_1220738260_o

Endereço: Estrada Fernando Nobre, 1461 (Acesso pelo KM 28,5 da Rodovia Raposo Tavares) – Cotia – São Paulo.

Telefone: (11) 3500-3600 / Email: zulai@templozulai.org.br /

Redes sociais: Facebook / Instagram / Site 

E aí, já conhece o Templo Zu Lai e tem mais informações para compartilhar? Comenta aqui!

ana-clara-turchetti

CICAPLAST LÁBIOS – LAROCHE-POSAY

ALOKA do hidratante labial ataca novamente (POST AQUI). Dessa vez um lançamento que eu estava doida para testar e saber se o produto vale o preço.

Já tinha namorado o Cicaplast Lábios da La Roche-Posay nas farmácias,  mas nunca me animava com o preço. Porém, se tratando de lábios hidratados e macios tudo vale a pena.

dsc00001

Comprei na Drogaria Pacheco, aqui em Juiz de Fora, por R$29,90. Não pesquisei se o preço varia de um lugar para outro. Arrisquei.

O que ele promete: A INOVAÇÃO MP-Lipides ajuda a reconstruir a barreira cutânea nas múltiplas dimensões, associada ao [Pantenol 5%] para reparação e alívio. A sua textura cria uma camada protetora que isola a pele contra as agressões externas, repara e alivia. Sem parabenos e sem perfume. Vem 7,5 ml de produto.

dsc09998

A aplicação é feita com o próprio produto, como um batom, porém não é em bala. O creme sai da embalagem a medida que a pessoa aperta. Prefiro produtos labiais com essa forma de aplicação, torna muito mais fácil o uso.

dsc00030

Nos lábios, o produto é excelente, mas no inverno é a época ideal para testar hidratantes labiais, pois com o tempo frio, a boca resseca muito. Agora no verão, o produto é ótimo.

dsc00055

Lábio natural

Lábios naturais. Lábios com o hidratante La Roche-Posay.

Lábios naturais. Lábios com o hidratante La Roche-Posay.

O hidratante não adiciona cor aos lábios, apenas brilho. Não possui perfume ou sabor, mais um ponto positivo.

dsc00050

Se gostei? Sim. É daqueles para fazer a recuperação durante a noite, dia ou quando você quiser. Um produto bem hidratante mesmo. Aprovado e vale o preço.

Eai? Já usaram?

ana-clara-turchetti

Balm Labial Granado

Depois que descobri os hidratantes labiais virei a loka do lip balm e se deixar, compro vários.

O Balm Labial da Granado chegou ao mercado a pouco tempo e pelo que andei pesquisando, não há muitas resenhas dele pela internet. Ele pode ser comprado em farmácias, perfumarias e sites. A Granado está com ótimos produtos de beleza e os preços são bem camaradas.

dsc09966

O Balm labial pode ser encontrado nos aromas de pitanga, manga e maracujá. Aqui em Juiz de Fora comprei na Mega Vale e só achei os aromas de manga e maracujá.

Preço: comprei por R$24,10 mas não pesquisei em outros lugares – talvez encontre mais barato.

Grama: 12g;

Forma de aplicar: com os dedos ou pincel.

Embalagem: latinha super fofa daquelas que podemos usar depois que o produto acabar (reciclagem né?!)

dsc09943

dsc09967

A fragrância é bem notável, lembra bala de maracujá. Se você se incomoda com cheiros, talvez esse produto não seja ideal.

Me incomoda produtos labiais que precisamos usar os dedos para aplicar, pois não são muito versáteis. Imagina você na rua, aplicando esse produto com as mãos sujas? Pode também ser aplicado com um pincel, mas não é lá muito prático, né? Confesso que essa forma de aplicação me incomoda um pouco, por isso prefiro os balms em bastão.

dsc09957

Lábios sem hidratação.

dsc09958

Lábios hidratados com duas camadas do Balm Labial Granado.

Vantagens: boa hidratação, preço de R$24,10 é relativo as 12g oferecidas. Os balms da Nívea (meus preferidos) tem 4,8g e custam em torno de R$13,00. É uma embalagem pequena e versátil.

Desvantagens: acredito que, assim como eu, muitas pessoas não acharam muito prática a aplicação, com os dedos ou com pincel. O cheiro é bem característico.

Compraria de novo: devido a aplicação não, mas o produto é um ótimo hidratante labial.

Eai? Você já usou esse produto?

ana-clara-turchetti

 

RESENHA BASE RubyRose

Aloka da resenha está passando por aqui. Gente, antes de comprar qualquer produto, eu pesquiso muito para saber se vale a pena, não é nem por causa do dinheiro, mas odeio ficar com produto parado em casa.

A base sensação do momento é a Matte da marca RubyRose e meu Deus, como esse produto está na boca do povo. Isso sim é marketing boca a boca (aprendam galera).

img_0353

Comprei a base na loja Belle Shop, aqui em JF, paguei algo em torno de R$ 10, 40, não lembro o preço certinho. Na loja, só tinha a cor mais clara e cores muito escuras, por isso acabei pegando a mais clarinha, a cor L1, só para testar mesmo e depois posso misturar com alguma base mais escura para o meu tom de pele.

O ponto positivo da base é que possui mais de 10 tonalidades, porém pelo que vi no site e também as pessoas falando, muitas cores já estão esgotadas. Acredito que nem a marca esperava por isso.

img_0359

Descrição do produto: Foi desenvolvida para conter a oleosidade da pele e disfarçar imperfeições. Aplique suavemente para correção de detalhes ou com firmeza para linhas mais marcadas.

A base tem um cheiro super agradável, vem 29 mL e tem uma textura um pouco grossa, não é uma base muito líquida.

outra-metade

Natural X Com Base RubyRose – as duas fotos estão com flash ativado!

Resolvi comparar a base RubyRose com a TimeWise da Mary Kay. Sei que muitas pessoas vão achar injusto comparar uma base de R$ 10,00 com uma de R$ 60,00, mas é apenas para ver como ela se comporta e dar um parâmetro para quem quer comprar. Apliquei a base Mary Kay de um lado do rosto e a RubyRose do outro lado – NÃO APLIQUEI PÓ EM NENHUM DOS LADOS.

Bom, a base Matte RubyRose tem uma cobertura bem boa. Mas assim, não gostei muito do Matte que ela promete. Minha pele é oleosa e depois de 40 minutos que apliquei a base, a zona T estava ficando oleosa (o dia que testei a base estava frio), enquanto o lado Mary Kay estava intacto.

Uma coisa que me incomodou também na base RubyRose é que ela acumula nas linhas de expressão e também nos poros – não apliquei primer para disfarçar os poros. Enquanto a da Mary Kay estava plena, sem acumular em nada.

Pele com base Mary Kay X Natural

Pele com base Mary Kay X Natural

Vocês vão perceber que estou fantasminha nas fotos, mas como queria muito testar a base da RubyRose acabei comprando a mais clara e testando com a cor mais clara da Mary Kay.

Gravei um vídeo aplicando as duas bases para vocês observarem a textura das duas.

Opinião final: depois de 4h com as duas bases na pele, a RubyRose continuava com uma cobertura boa, mas muito acumulada nas linhas de expressão. Sobre a oleosidade: não me agradou muito, pois a base é para pele oleosas e isso ela não cumpre muito bem, mas vou passar o pó na próxima aplicação para ver se o brilho diminui. A cobertura é muito boa, daquelas que podemos usar durante o dia, mas não acho que seja uma base perfeita para a noite, até porque ela não segura o brilho por muito tempo. Acredito que pessoas com a pele seca podem usar a base diluindo o produto com um pouco de hidratante facial ou BBCream, ai você faz, meio que sem querer, a linda técnica do Strobing.

Compraria de novo: sim, porque né gente, por R$ 10,00 acho que vale a retocada de pó durante o dia e a cobertura da base é boa sim. Então acredito que vale a pena sim.

Eai? Já usaram a base? O que acharam?

ana-clara-turchetti

Falando sobre mudar

Já falei sobre mudanças aqui e sobre como é gostosa a sensação de sair da rotina e do comum. Pois bem, esse blog fez parte de uma das mudanças que passei e quis dividir com vocês, amigos, parentes, conhecidos e leitores, agradeço a atenção e o retorno de cada um de vocês.

Eis que resolvi mudar de assuntos e dar uma direção diferente a esse blog. Você, que curte os textos, não suma, pois ainda vão rolar troca de ideias por aqui, fique ligado. Porém, quero falar, também, sobre outras coisas que gosto, dar dicas, compartilhar mais que palavras e pensamentos. Quero ajudar você, amiga, com algumas descobertas, aventuras em farmácias, em lugares e também na vida, por que não?

Quero construir mais uma parte dessas mudanças que a vida nos proporciona e quero levar muitas pessoas comigo. Sintam-se a vontade nessa nova experiência, podem criticar, me ajudar e dar dicas, o crescimento não vem sozinho. Quero também, lembrar todos vocês que mudar algo em nossa vida, só depende de nós mesmos.

Vou falar de maquiagem, porque eu amo, vou escrever meus textos, porque escrever é mais fácil que conversar, vou falar de moda, porque experimentar coisas novas sempre faz parte.

Bora começar isso?

ana-clara-turchetti